quarta-feira, 17 de outubro de 2007

QUE NOJO!

Informação recebida do Ciência Viva:

Knojo! A Ciência Indiscreta do Corpo Humano
Inauguração da nova exposição do Pavilhão do Conhecimento - Ciência Viva, dia 18 de Outubro, às 11h00


O que provoca o mau hálito? E o cheiro a suor? De onde vêm os barulhos estranhos que o estômago faz? E qual a composição dos "macacos" do nariz?

Knojo! A Ciência Indiscreta do Corpo Humano, a nova exposição interactiva do Pavilhão do Conhecimento, mostra as respostas que a ciência dá a estas perguntas e promete explicar tudo aquilo que é desagradável no nosso corpo.

A inauguração vai ter lugar na próxima quinta-feira, dia 18 de Outubro, às 11h00, e contará com a presença do ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, José Mariano Gago.

Como o dia é mesmo reservado a coisas nojentas, preparámos vários ateliês onde os mais atrevidos vão poder fabricar uma substância muito parecida com o seu próprio ranho e descobrir porque é que a digestão começa com cuspo.

Numa sessão particularmente desagradável de A Cozinha é um Laboratório, a química e a culinária vão juntar-se para fabricar uma terra comestível, servida em vasos e acompanhada de ovos de insectos e aracnídeos com sabor a groselha.

Convidámos uma equipa de médicos do Hospital D. Estefânia e em conjunto desenvolvemos os ateliês Fungadelas e Lavandaria de Mãos, nos quais os mais pequenos vão aprender a assoar-se e a lavar correctamente as mãos, através de uma coreografia. No ateliê Bombas Calóricas ficaremos a saber quantas viagens na Bicicleta Voadora do Pavilhão do Conhecimento seriam necessárias para queimar um apetitoso pão com chocolate.

Sabia que engole mais de um litro de muco por dia? E que o ranho evita que fiquemos doentes porque impede que as "porcarias" cheguem aos nossos pulmões? Espirros, mucos e alergias são a especialidade do professor Narigudo Sá Betudo, uma torneira em formato gigante que vai desvendar tudo o que se passa no interior do nosso nariz.

Na nova exposição do Pavilhão do Conhecimento as indiscrições do corpo humano não ficam por aqui. É também possível cheirar axilas, bocas, pés e ânus malcheirosos, ouvir arrotos bem sonoros e perceber porque é que eles acontecem, escutar o barulho que fazemos a deglutir, o bater do coração, o respirar e o estômago a roncar.

Depois de tudo isto só faltava mesmo uma inesquecível máquina de gases intestinais, que nos elucidará sobre a razão do seu som mais grave ou agudo.

As conversas sobre o corpo humano nunca mais serão as mesmas depois de visitar esta exposição.

Mais informações em www.pavconhecimento.pt

Knojo! A Ciência Indiscreta do Corpo Humano tem legendas em Braille e informação adicional em Braille e ampliado.

1 comentário:

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.

A DIFÍCIL ARTE DE ADMIRAR

Por Eugénio Lisboa Aquele que deseja a rosa deve respeitar o seu espinho André Gide  A admiração é algo de nobre, mas esconde compartimentos...