domingo, 31 de maio de 2009

Hilariante...

34 comentários:

  1. Agora o DI tem um concorrente de peso, a BioLogos Foundation. E na pressa por combatê-los acabaram admitindo que ID é sim convicção religiosa:

    http://www.newscientist.com/article/dn17203-christians-battle-each-other-over-evolution.html

    ResponderEliminar
  2. A recusa dos evolucionistas em aceitar a criação sobrenatural e instantânea baseia-se na sua filosofia naturalista.

    Mas a verdade é esta: Deus criou ós diferentes géneros de seres vivos instantaneamente. Qual é o problema disso?

    Afinal, estamos a falar de um Deus omnipotente e omnisciente! Esse Deus criou o Universo e as suas leis!

    A sintonia do Universo para a vida e a dependência da vida de informação codificada corrobora, não apenas que o Universo foi criado de uma forma sobrenatural, instantânea e inteligente,mas que só pode ter sido criada assim.

    A ciência corrobora o ensino Bíblico. A evidência de catastrofismo no registo fóssil e na geologia atesta que a Terra não tem os biliões de anos que alguns pensam, mas que foi fustigada por uma catástrofe global sem paralelo.

    Os métodos de datação radiométrica baseiam-se em premissas uniformitaristas indemsonstráveis.

    Só assim é que se compreenda que diamantes, rochas ou fósseis datados de biliões de anos tenham ainda C-14!

    A Bíblia é a fonte de todo o conhecimento. Tanto os evolucionistas como os defensores de um impessoal "intellgent designer" erram fundamentalmente quanto partem de teorias humanas falíveis e provisórias e negam a revelação verdadeira e definitiva de Deus.

    ResponderEliminar
  3. Gostava era de saber de onde vem a tal prova empírica indesmentível e irrefutável de que a codificação tem sempre origem inteligente...

    ResponderEliminar
  4. Se o ADN tem a intervenção inteligente de um criador, por que motivo nascem crianças com deficiências resultantes de erros no código do ADN? Castigo do criador? E para que raio nos serve um criador vingativo, que descarrega os maus instintos em crianças que estão para nascer?

    ResponderEliminar
  5. Os "homens das cavernas" eram descendentes de Adão e Eva?

    E teriam ouvido falar de um qualquer "elohim" ?

    Apesar do fogo, pairavam por lá crenças bem diferentes das actuais "religiões organizadas" ...

    ResponderEliminar
  6. E as doenças auto-imunes ? Só podiam ter sido "congeminadas" pelo Designer Idiota !!!

    ResponderEliminar
  7. "A Bíblia é a fonte de todo o conhecimento."

    Ver o que dizem os primos islâmicos em 101 CONTRADICTIONS IN THE BIBLE

    ResponderEliminar
  8. Um anónimo pergunta

    "Gostava era de saber de onde vem a tal prova empírica indesmentível e irrefutável de que a codificação tem sempre origem inteligente"

    Pense em todos os códigos que conhece, em que sequências de símbolos sejam utilizadas para codificar, armazenar e transmitir informação, e veja se existe algum que não tenha origem inteligente.


    Não há um só caso. Por outro lado, também não existe uma explicação naturalista para a origem da informação codificada no DNA. Todas as tentativas falham sempre.

    A informação e o código são sempre realidades imateriais, que só podem ter uma origem imaterial, mental, inteligente.

    Isso pode ser confirmado empiricamente sempre. A origem não inteligente de informação codificada nunca foi observada.

    ResponderEliminar
  9. Isabel Saraiva pergunta se os homens das cavernas eram descendentes de Adão e Eva.

    A resposta é positiva. Só podiam ser. De resto, o DNAmt demonstra que todos descendemos de uma única mulher e o cromossoma Y demonstra que todos descendemos de um mesmo homem.

    Acresce que o cromossoma Y diz que judeus e árabes descendem de um mesmo homem, o que corrobora o que a Bíblia ensina sobre Abraão, Ismael e Isaque.

    As supostas contradições dea Bíblia não resistem a um exame mais profundo.

    Contraditório é os islâmicos dizerem, num momento, que aceitam os textos bíblicos, para num segundo momento dizerem que sâo contraditórios.

    ResponderEliminar
  10. Um Anónimo pergunta:

    "E as doenças auto-imunes ? Só podiam ter sido "congeminadas" pelo Designer Idiota !!!"

    As doenças e a morte são anomalias introduzidas pelo pecado e pela maldição que Deus fez impender sobre toda a natureza como consequência do pecado.

    Deus criou tudo em perfeição física e moral, mas Deu liberdade ao homem para pecar.

    No entanto, a Bíblia é bem clara quando diz que a corrupção moral teve como consequência a corrupção física.

    Assim é, porque um mundo de pecado não pode existir para sempre, como se tudo estivesse bem, diante de um Deus bom e justo.

    No entanto, o próprio Criador resolveu o problema, levando sobre si o castigo do pecado e prometendo vida eterna, sem doenças, sofrimento e morte, a todos quantos aceitarem a sua salvação,

    Esta é, na essencia, a mensagem bíblica. Ela começa com a criação, a queda e a corrupção, e acaba com a ressurreição de Jesus, a promessa de vida eterna e a certeza da restauração final de todas as coisas.

    Assim é, do Génesis ao Apocalipse.

    ResponderEliminar
  11. e não há uma moça caridosa que se sacrifique e ensine o Jónatas Machado a «pecar» para ver se ele deixa de chatear o pessoal com estas regurgitações atrasadas mentais?

    ResponderEliminar
  12. "As doenças e a morte são anomalias introduzidas pelo pecado e pela maldição que Deus fez impender sobre toda a natureza como consequência do pecado. "

    Os passarinhos e as abelhinhas fartam-se de pecar. Alguns adoecem e todos morrem. Têm o que merecem, os malandros.

    ResponderEliminar
  13. Anónimo disse:

    "Os passarinhos e as abelhinhas fartam-se de pecar. Alguns adoecem e todos morrem. Têm o que merecem, os malandros."

    A explicação para isso encontra-se em Génesis 3. Toda a criação foi amaldiçoada por causa do pecado humano.

    Por isso, no final, toda a criação será restaurada.

    É isso que a Bíblia ensina, é isso que a ciência corrobora.

    ResponderEliminar
  14. Ktreta: os habituais dislates e anedotas criacionistas do Tiago e Cia. !

    ResponderEliminar
  15. E o dilúvio? A culpa foi dos anjos fornicadores, filhos de "deus" (Génesis 6:2-4).

    ResponderEliminar
  16. "Toda a criação foi amaldiçoada por causa do pecado humano."

    O "pecado humano" inclui - certamente - os comportamentos desregrados de crentes como os papas João XII ou Alexandre VI ...

    ResponderEliminar
  17. "É isso que a Bíblia ensina, é isso que a ciência corrobora."


    (II Reis 20:1-11)Isaías, com a ajuda do elohim, o gazeteiro dos 6 dias, faz "o Sol mover-se dez graus para trás" !

    Isto sim, é que é "obra"! Fazer a Terra parar de girar e inverter a direcção de rotação.

    Ou talvez o Sol girasse em redor da Terra ... nos tempos do anedotário do AT.


    1 - Naqueles dias, adoeceu Ezequias de morte; e o profeta Isaías, filho de Amoz, veio a ele e lhe disse: Assim diz o SENHOR: Ordena a tua casa, porque morrerás e não viverás.

    2 - Então, virou o rosto para a parede e orou ao SENHOR, dizendo:

    3 - Ah! SENHOR! Sê servido de te lembrar de que andei diante de ti em verdade e com o coração perfeito e fiz o que era reto aos teus olhos. E chorou Ezequias muitíssimo.

    4 - Sucedeu, pois, que, não havendo Isaías ainda saído do meio do pátio, veio a ele a palavra do SENHOR, dizendo:

    5 - Volta e dize a Ezequias, chefe do meu povo: Assim diz o SENHOR, Deus de Davi, teu pai: Ouvi a tua oração e vi as tuas lágrimas; eis que eu te sararei; ao terceiro dia subirás à Casa do SENHOR.

    6 - E acrescentarei aos teus dias quinze anos e das mãos do rei da Assíria te livrarei, a ti e a esta cidade; e ampararei esta cidade por amor de mim e por amor de Davi, meu servo.

    7 - Disse mais Isaías: Tomai uma pasta de figos. E a tomaram e a puseram sobre a chaga; e ele sarou.

    8 - E Ezequias disse a Isaías: Qual é o sinal de que o SENHOR me sarará e de que, ao terceiro dia, subirei à Casa do SENHOR?

    9 - E disse Isaías: Isto te será sinal, da parte do SENHOR, de que o SENHOR cumprirá a palavra que disse: Adiantar-se-á a sombra dez graus ou voltará dez graus atrás?

    10 - Então, disse Ezequias: É fácil que a sombra decline dez graus; não aconteça isso, mas volte a sombra dez graus.

    11 - Então, o profeta Isaías clamou ao SENHOR; e fez voltar a sombra dez graus, pelos graus que já tinha declinado no relógio de sol de Acaz.

    ResponderEliminar
  18. Cambada de idiotas, como pode em pleno século XXI existir gente assim? Criacionismo é o mesmo que obscurantismo. Tenho dito!

    ResponderEliminar
  19. Isabel Saraiva, não se percebe como é que o Criador do Universo não teria poder sobre ele, alterando ligeiramente o movimento dos astros que Ele criou e cujas órbitas estabeleceu.

    Qual é mesmo o problema?

    Os evolucionistas é que têm que explicar como é que todo o Universo poderia ter estado concentrado numa partícula infinitesimal mais pequena do que a cabeça de um alfinete!

    ResponderEliminar
  20. Anónimo diz:

    "O "pecado humano" inclui - certamente - os comportamentos desregrados de crentes como os papas João XII ou Alexandre VI ..."

    Claro que inclui. A Bíblia é clara quando diz que todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus.

    Mas a dádiva gratuita de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus, nosso Senhor.

    ResponderEliminar
  21. A Isabel Saraiva está perplexa porque não consegue compreender como é que um Deus omnipotente e omnisciente, criador dos Céus e da Terra, conseguiu que a sombra do relógio solar do Rei Ezequias andasse 10 graus para trás.

    No entanto, devemos recordar que Jesus Cristo, que é Deus encarnado, transformou a água em vinho, curou os doentes, andou sobre as águas, alcalmou as tempestades, multiplicou os pães e os peixes e, finalmente, ressuscitou dos mortos.

    As pessoas que presenciaram esses actos assombrosos sabiam perfeitamente que eles violavam as leis naturais.

    Por essa razão, eles atribuíram-nos sempre a Deus, e não às leis naturais.

    Qualquer pessoa sabe que uma pessoas normal não consegue acalmar tempestades e ressuscitar dos mortos.

    É por isso que os Cristãos dizem que Jesus não é uma pessoa normal: é o Filho de Deus.

    Existe evidência histórica mais sólida de que Jesus fez milagres e ressuscitou dos mortos, do que

    O mesmo Deus, que acalma as tempestades e anda sobre as águas, também pode ter usado uma núvem para fazer com que a sombra no relógio solar andasse para trás.

    A questão é esta: quando falamos em actos sobrenaturais de Deus, falamos em eventos que só podem ser atribuídos às leis naturais.

    No entanto, quando falamos de leis naturais também falamos de uma realidade que só pode ser atribuída a Deus.

    De um Universo acidental e irracional não se espera qualquer regularidade.

    De um Universo criado por um Deus racional espera-se que funcione de acordo com leis compreensíveis matematicamente.

    Ou seja, Deus é responsável pelas leis naturais e pela sua derrogação.

    Para se provar cientificamente que os milagres são impossíveis é primeiro necessário demonstrar cientificamente a inexistência de um Deus omnisciente e omnipotente, coisa totalmente impossível.

    Dada a extrema sintonia do Universo para a vida e a dependência desta de informação codificada, essa operação é fútil.

    ResponderEliminar
  22. Existe evidência histórica mais sólida de que Jesus fez milagres e ressuscitou dos mortos, do que de que a vida surgiu por acaso há 3,8 mil milhões de anos.

    Os milagres de Jesus foram vistos e registados por relatos independentes, escritos com detalhe e integridade.

    A hipotética origem acidental da vida numa foi observada e registada, nem ninguém sabe como é que ela poderia ter acontecido.

    ResponderEliminar
  23. Papa João XII? Papa Alexandre VI ?

    1)Polónia: casal mata criança por pensar que ela era o diabo (estavam bêbados e assassinaram menina de quatro anos).

    Um casal polaco, da cidade de Wloclawek, que tomava conta de uma menina de 4 anos enquanto a mãe trabalhava, matou-a, alegadamente porque ela era o diabo, revelaram sexta-feira as autoridades, citadas pela agência Lusa.

    «A mulher que nos avisou tinha estado na casa e viu o corpo ensanguentado de uma pequena menina no chão», adiantou a porta-voz de imprensa da Polícia, Katarzyna Witkowska.

    A polícia encontrou, no local, o corpo ensanguentado de uma menina e o dono da casa, alcoolizado, que repetia que «tinha morto o diabo».

    A mulher do assassino, que também estava na casa e sob o efeito do álcool, indicou às autoridades o machado com o qual a criança fora morta.

    «A mulher tentou convencer-nos que, na realidade, nada se tinha passado, porque o corpo que jazia no chão não era de uma menina mas sim de uma boneca», relataram os polícias.


    Ver:

    http://diario.iol.pt/noticia.html?id=780827&div_id=4071

    ResponderEliminar
  24. Papa João XII? Papa Alexandre VI ?

    2) Roménia: Freira crucificada, logo liberta do Mal

    ”Comecei por ler esta incrível história no «Diário Ateísta» e acabei por segui-la neste jornal online.

    O padre Daniel, de 29 anos, é o superior do mosteiro cristão ortodoxo da cidade de Tanacu, no nordeste da Roménia.

    Aqui há uns dias o bom e santo padre Daniel decidiu que uma das freiras do mosteiro estava possuída pelo Demónio.

    De facto, os sinais eram absolutamente claros e inequívocos: Maricica Irina Cornici, uma jovem freira de 23 anos de idade, e que tinha entrado no mosteiro somente três meses antes, tinha discordado em público do padre Daniel durante uma missa de domingo.

    Face a tão óbvios sintomas, e como é absolutamente natural, o que se impunha era um exorcismo.

    E o bom do padre Daniel não se fez rogado em tomar tão nobre encargo sob a sua responsabilidade.

    Provavelmente seguindo os cânones oficiais de tão pia tarefa, que estas coisas são muito sérias, o padre Daniel começou por amarrar e amordaçar a freira possuída por Satanás, e durante vários dias privou-a de qualquer alimento e de água.

    Mas, por qualquer motivo, o raio do Demo não havia meio de libertar a freira da sua possessão.

    Era preciso fazer algo mais!

    Foi então que o padre Daniel, acompanhado de quatro das mais piedosas freiras do convento, decidiu crucificar a jovem freira.

    Como alguns dias depois o estado de saúde de Irina se deteriorasse a olhos vistos, algumas outras freiras decidiram chamar uma ambulância.

    Mas já não a tempo de lhe salvar a vida.

    No sábado, realizou-se o funeral da freira.

    Sem demonstrarem qualquer emoção, 13 outras freiras assistiram ao funeral de Irina, tendo a missa sido celebrada pelo próprio padre Daniel!

    À entrada do seu caixão na igreja, Irina nem sequer teve direito a que os sinos tocassem, e o funeral realizou-se no mais profundo e constrangedor silêncio, à excepção do som de uma trovoada distante, logo interpretada pelo padre Daniel como «um sinal de que a vontade de Deus tinha sido cumprida».

    O porta voz do patriarca da Igreja Ortodoxa, em Bucareste recusou-se terminantemente a condenar a actuação do padre Daniel, explicando a sua posição:
    «...pois nós nem sequer sabemos o que a moça fez...».

    Interrogado sobre os motivos que o tinham levado à crucificação e à morte da freira, o padre Daniel declarou que tudo tinha sido inteiramente justificado:

    «Deus realizou um milagre por ela. Finalmente a Irina está liberta do mal».”


    Luis Grave Rodrigues, Random Precision, Junho 20, 2005


    Ver em:

    http://www.blogger.com/email-post.g?blogID=8664610&postID=111922797770770154

    ResponderEliminar
  25. "De um Universo criado por um Deus racional espera-se que funcione de acordo com leis compreensíveis matematicamente.

    Ou seja, Deus é responsável pelas leis naturais e pela sua derrogação."

    Este tipo de "deus" só pode ser o habitual incompetente, também conhecido por «omni-ausente» .

    ResponderEliminar
  26. Responsável pelas leis naturais e sua derrogação ? E tem livro de reclamações ?

    Porreiro pá !

    ResponderEliminar
  27. Inerrância ?

    "As supostas contradições dea Bíblia não resistem a um exame mais profundo."


    (Mateus 27:9)

    9 - Então, se realizou o que vaticinara o profeta Jeremias: Tomaram as trinta moedas de prata, preço do que foi avaliado, que certos filhos de Israel avaliaram.


    Qual o versículo do livro de Jeremias em que é feita esta "profecia" ?

    ResponderEliminar
  28. De nouveaux résultats établissent la responsabilité des hommes modernes dans la disparition de l’homme de Neandertal (La Recherche)

    "Europe, il y a 42 000 ans. Le continent est exclusivement peuplé d’hommes de Néandertal. Leurs ancêtres sont arrivés d’Afrique il y a au moins 800 000 ans, peut-être plus. Leurs traits anatomiques sont fixés depuis environ 250 000 ans, et leur culture, pour autant que nous puissions en juger, n’a pas beaucoup changé non plus sur cette période.

    Europe, il y a 28 000 ans. Le continent est exclusivement peuplé d’hommes dits "modernes", que l’on appelle aussi Cro-Magnon : notre espèce. Leurs ancêtres sont arrivés, par l’est, il y a environ 40 000 ans. Les plus anciens que l’on connaisse ont vécu en Afrique de l’est il y a environ 200 000 ans. De Neandertal, il ne reste que des fossiles. Les derniers viennent de s’éteindre au sud de l’Espagne et dans des grottes de Croatie.

    Que s’est-il passé? Cro-Magnon et Neandertal, si proches biologiquement, et pourtant différents, se sont-ils rencontrés? Ont-ils cohabité? Se sont-ils mélangés? Se sont-ils combattus? Ces questions sont âprement discutées parmi les préhistoriens, qui manquent cruellement de comparaisons actuelles pour penser la coexistence de deux espèces humaines.

    C’est pourquoi les résultats qui font l’objet du dossier de La Recherche ce mois-ci (Juin 2009)sont importants. Présentés il y a à peine quelques mois à la communauté scientifique, ils établissent clairement la responsabilité de l’homme moderne dans la disparition de Neandertal.

    Cette disparition a coïncidé avec une période de changement climatique : le démarrage d’une époque glaciaire.

    Neandertal aurait-il été vaincu par le froid tandis que Cro-Magnon, mieux équipé, aurait progressivement envahi ses anciens territoires laissés libres?

    L’une des régions où Neandertal a subsisté le plus longtemps, est, en Espagne, la zone délimitée au Nord par l’Ebre. Il était tentant de voir dans ce fleuve une barrière climatique : au sud, les conditions seraient restées favorables à Neandertal, qui s’y serait replié ; le climat et la végétation des régions situées au Nord ne lui auraient pas permis d’assurer sa subsistance.

    Cro-Magnon n’aurait pénétré la péninsule qu’au fur et à mesure que Neandertal en disparaissait.

    Mais des simulations climatiques, associées à des simulations de niches écologiques et culturelles, infirment ce scénario. Même au plus fort du froid, Neandertal aurait pu survivre au Nord de l’Ebre. S’il n’a pas réussi à s’y maintenir, c’est que Cro-Magnon s’y était installé et l’en a empêché.

    De quelle façon? On en ignore encore les détails, mais le site des Rois, en Charente, permet d’élaborer des hypothèses. Etudié dès la fin des années 1930, c’est l’un des rares sites où l’on avait trouvé une association indiscutable entre des restes humains et des vestiges de la culture aurignacienne, la plus ancienne associée à l’homme moderne sur le sol européen.

    Les préhistoriens qui ont repris l’analyse des vestiges déjà découverts, ainsi que les fouilles sur des secteurs non explorés du site, ont confirmé qu’effectivement, il s’agit bien d’un site aurignacien. Et qu’une mandibule d’enfant appartenait bien à un Cro-Magnon. Mais des dents isolées et une autre mandibule présentent des traits néandertaliens. Résultent-elles d’une cohabitation entre les deux populations? D’une capture? D’une hybridation? Il est encore trop tôt pour conclure, mais la vraisemblance d’un contact est de plus en plus forte."

    Luc Allemand

    ResponderEliminar
  29. "Porque toda a criação foi amaldiçoada por causa do pecado humano" .

    Obviamente que os crentes que sofrem de doenças auto-imunes se sentem "abençoados" pela doença ...

    Felizmente, nem todos os crentes sofrem de doenças auto-imunes.

    Será que uns foram mais "abençoados" que outros ...

    ResponderEliminar
  30. E "deus", apenas existe porque "mostra serviço" ?

    - "criou" as plantas antes do Sol;

    - "criou" as plantas carnívoras no 3º.dia, que passaram fome até serem disponibilizados "animais adequados";

    - "criou" outros animais com comportamento homossexual, para além dos humanos. Tb teriam livre-arbítrio ?

    ResponderEliminar
  31. A treta do "pecado original" !

    Por culpa de um Adão e de uma Eva, "toda a criação foi amaldiçoada" pelo "omni-incompetente" ...

    Faz lembrar a fábula do lobo e do cordeiro.

    "Vocês lembram a fábula?

    Esopo contou-a e La Fontaine a recontou.

    Um cordeiro bebia num rio e logo acima dele bebia um lobo.

    A fera podia saltar-lhe logo no pescoço, mas, sem pretexto, não quis devorá-lo.

    – Por que você suja a água que eu estou bebendo? – perguntou o lobo.

    – Como posso sujá-la, se o senhor está bebendo acima de onde bebo? – respondeu o inocente cordeiro.

    Irritado, o lobo devolveu:

    – O ano passado falaste mal de mim.

    – Como pode ter sido, se no ano passado eu nem era nascido? – defendeu-se o cordeiro.

    – Então foi o teu irmão.

    – Senhor, é engano, eu nunca tive irmãos. O lobo não desistia.

    – Se não foi ele, foi o teu pai.

    E sem mais argumentos, pulou em cima do cordeiro e o engoliu."


    Ver em:

    http://www.continenteonline.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=1079&Itemid=130

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.