quinta-feira, 23 de Abril de 2009

O princípio de uma grande biblioteca/ editora

Um dia depois de ter sido lançada a Biblioteca Digital Mundial foi ontem apresentada ao público na Biblioteca da Universidade de Coimbra, a biblioteca/editora online CLASSICA DIGITALIA - VNIVERSITATIS CONIMBRIGENSIS que visa ser um grande espaço de difusão da cultura científica para a área dos Estudos Clássicos.

Trata-se de um biblioteca/editora que “estará receptiva a colaborações de toda a comunidade académica, dando especial atenção à criação de sinergias dentro do espaço lusófono. A política de publicações é definida pelo conselho editorial e a qualidade dos trabalhos é controlada pela arbitragem de uma equipa internacional de especialistas. As colaborações podem cobrir um leque variado de temas e perspectivas de abordagem (literatura, cultura, história antiga, arqueologia, história da arte, filosofia), mantendo embora como denominador comum os Estudos Clássicos e sua projecção na Idade Média, Renascimento e recepção na actualidade. Todos os títulos editados em CLASSICA DIGITALIA são também publicados em formato de livro impresso.”

Até ao momento foram publicados onze volumes em duas colecções: Colecção Autores Gregos e Latinos, composta por duas séries – Textos e Ensaios – e Colecção Humanitas Supplementum (Estudos).

Esses volumes são os seguintes:

Volumes publicados na Colecção Autores Gregos e Latinos ‑ Série Textos

Delfim F. Leão e Maria do Céu Fialho: Plutarco. Vidas Paralelas – Teseu e Rómulo. Tradução do grego, introdução e notas (Coimbra, CECH, 2008). 187 p.

Delfim F. Leão: Plutarco. Obras Morais – O banquete dos Sete Sábios. Tradução do grego, introdução e notas (Coimbra, CECH, 2008). 131 p.

Ana Elias Pinheiro: Xenofonte: Banquete, Apologia de Sócrates. Tradução do grego, introdução e notas (Coimbra, CECH, 2008). 119 p.

Carlos de Jesus, José Luís Brandão, Martinho Soares, Rodolfo Lopes: Plutarco: Obras Morais – No Banquete I – Livros I-IV. Tradução do grego, introdução e notas (Coimbra, CECH, 2008), coordenação de José Ribeiro Ferreira. 256 p.

Joaquim Pinheiro: Plutarco. Obras Morais – Da educação das crianças. Tradução do grego, introdução e notas (Coimbra, CECH, 2008). 75 p.

Ana Elias Pinheiro: Xenofonte. Memoráveis. Tradução do grego, introdução e notas (Coimbra, CECH, 2009). 289 p.

Volumes publicados na Colecção Autores Gregos e Latinos ‑ Série Ensaios

Carmen Soares, José Ribeiro Ferreira e Maria do Céu Fialho: Ética e Paideia em Plutarco (Coimbra, CECH, 2008). 126 p.

Joaquim Pinheiro, José Ribeiro Ferreira e Rita Marnoto: Caminhos de Plutarco na Europa (Coimbra, CECH, 2008). 133 p.

Cláudia Teixeira, Delfim F. Leão e Paulo Sérgio Ferreira: The Satyricon of Petronius: Genre, Wandering and Style (Coimbra, CECH, 2008). 137 p.

Volumes publicados na Colecção “Humanitas Supplementum” (Estudos)

Francisco de Oliveira, Cláudia Teixeira e Paula Barata Dias: Espaços e Paisagens. Antiguidade Clássica e Heranças Contemporâneas. Vol. 1 - Línguas e Literaturas. Grécia e Roma (Coimbra, CECH, 2009). 288 p.

Francisco de Oliveira, Cláudia Teixeira e Paula Barata Dias: Espaços e Paisagens. Antiguidade Clássica e Heranças Contemporâneas. Vol. 2 - Línguas e Literaturas. Idade Média. Renascimento. Recepção (Coimbra, CECH, 2009). 199 p.

1 comentário:

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.