segunda-feira, 25 de abril de 2011

Coimbra, 25 de Abril de 1974

Coimbra, 25 de Abril de 1974 - Golpe militar. Assim eu acreditasse nos militares. Foram eles que, durante os últimos macerados cinquenta anos pátrios, nos prenderam, nos censuraram, nos apreenderam e asseguraram com as baionetas o poder à tirania. Quem poderá esquecê-lo? Mas pronto: de qualquer maneira, é um passo. Oxalá seja duradoiramente de parada...

Miguel Torga
in
Diário XII, Coimbra (1977), página 59.

1 comentário:

  1. Muito depressa o Poeta
    constatou que fora em vão
    aquela revolução,
    que não passara de treta!

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.