sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

TOP 3 + 2 - DIVULGAÇÃO DE CIÊNCIA EM PORTUGAL 2012


Na sequência do meu post anterior, apresento a seguir 3 + 2 livros publicados em 2012 em Portugal e que foram, no meu entender, os acontecimentos editoriais mais relevantes nas áreas da divulgação de ciência, história da ciência ou sobre ciência e tecnologia. 

Separo-os por três primeiras edições em português e duas reedições. Seguem por ordem de preferência (subjectiva e discutível) numa estante-pódio seguida de duas incontornáveis menções honrosas.


Estante-pódio

1 - “Um Céu mais Perfeito – Como Copérnico revolucionou o cosmos, publicado em Setembro de 2012 pela Temas e Debates e pelo Círculo de Leitores, Dava Sobel, tradução de Artur Lopes Cardoso, revisão Levi Condinho.



2 - “A Espiral da Vida - As Dez Mais NotáveisInvenções da Evolução”, de Nick Lane, editado pela Gradiva, colecção Ciência Aberta, nº 194. Tradução de Alexandra Nobre.



3 - “Os superficiais - O que ainternet está a fazer aos nossos cérebros”, de Nicholas Carr, editado pela Gradiva na sua colecção Trajectos, nº 92. Tradução de Luiza Alves da Costa, revisão de João Paiva. 



Menções Honrosas

Os Dragões do Édem - Especulações Sobre A Evolução Da InteligênciaHumana E Das Outras, de Carl Sagan. Premiado em 1977 com o prémio Pulitzer, para muitos (em que incluo) a mais bela obra de Carl Sagan.. Reeditado pela 8º vez pela Gradiva, para a sua colecção “Obras de Carl Sagan” (6.º título). A tradução desta obra foi efectuada por Ana Falcão Bastos, a revisão científica foi do físico José Mariano Gago e dos biólogos Maria Margarida Perestrello Ramos e Carlos Henriques de Jesus. 



“O Sistema Periódico”, escrito por Primo Levi em 1975, foi considerado em 2006 “o melhor livro de ciência jamais escrito”, pela Real Academia de Londres. Reeditado este ano pela Teorema, com tradução de Maria do Rosário Pedreira e revisão de Fernando Milheiro. Esta distinção deu visibilidade à valência química de “um dos escritores italianos mais marcantes do séc. XX”, no dizer de Umberto Eco.



Boas leituras.

António Piedade

2 comentários:

  1. Sugiro tambem o livro de Vasco Pinto de Magalhães, s.j., SÓ AVANÇA QUEM DESCANSA.

    ResponderEliminar
  2. A ciência responsável a história em qualidade literária. Excelente leitura, professor António Piedade.

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.