terça-feira, 14 de janeiro de 2014

O município de Coimbra

Informação chegada ao De Rerum Natura.


Lançamento do livro O município de Coimbra, da autoria de Maria Helena da Cruz Coelho, professora da Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, no próximo dia 21 de Janeiro pelas 17h30 na Casa Municipal da Cultura de Coimbra. A edição é da Imprensa da Universidade de Coimbra e a apresentação será feita pelo arquitecto Walter Rosa.

Sobre a obra: Estudam-se - histórica, paleográfica, diplomática e codicologicamente –, cinco documentos que são monumentos fundacionais do município de Coimbra e mesmo do reino de Portugal (diploma de Afonso VI de 1085, foral de 1111, posturas de 1145, foral de 1179 e foral manuelino de 1516). É traçado o percurso evolutivo da formação, identificação e plena afirmação do condado e reino de Portugal desde o século XI até à centúria de Quinhentos.

Mais localmente dão-se a conhecer os marcos urbanístico-arquitectónicos, político-militares, religioso-culturais e sócio-económicos do centro coimbrão desde o governo sesnandino até ao reinado de D. Manuel. Revelam-se os mais antigos pergaminhos do município de Coimbra, memórias escritas legitimadoras e simbólicas, monumentos perenes e fundantes de um município, que foi capital do reino, que foi e é sede de uma diocese, cidade monumental de mosteiros, de igrejas, de torres e de paços, pólo de conhecimento e cultura, centro de serviços e de actividades produtivas.

Numa feliz coincidência, esta obra foi publicada, por iniciativa da Câmara Municipal de Coimbra, no mesmo ano em que a UNESCO reconheceu a Universidade de Coimbra – Alta e Sofia como Património da Humanidade. Mais uma memória histórica a acrescentar ao denso e rico património tangível e intangível da Universidade e da Cidade de Coimbra.

Sem comentários:

Enviar um comentário

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.