segunda-feira, 21 de maio de 2018

O ROMANCE HISTÓRICO COMO BASE DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS

Como formar os futuros professores de História e de Geografia tanto no domínio científico como no domínio pedagógico-didáctico? Futuros professores, ainda estudantes universitários, pouco conhecedores da História e da Geografia e que, além disso, não costumam ler e mantêm uma relação difícil com a escrita?

Andrés Palma Valenzuela, meu colega da Faculdade de Ciências da Educação da Universidade de Granada tem desenvolvidodesde 2011, no departamento de Didáctica das Ciências Sociais, a que pertence, em conjunto com outros professores, um trabalho destinado a superar essas dificuldades.

Parte do romance histórico para levar os seus alunos a compreenderem diversas realidades temporais e espaciais distantes daquelas que vivenciam. É com base nessa compreensão que, posteriormente, os conduz a explorarem possibilidades de organização do ensino.

No seguinte vídeo esse trabalho é explicado pelos intervenientes mais directos:



1 comentário:

  1. Prática pedagógica – sugestões

    Motivação (ponto de partida) ou transdisciplinaridade: arte dramática, pintura, música, literatura, jogos tradicionais (de época, de local), dança...

    Estratégias/recursos
    https://www.goconqr.com/pt/examtime/blog/como-estudar-historia/
    https://www.goconqr.com/pt-BR/examtime/blog/como-estudar-geografia-2/

    Mapas mentais
    Flashcards
    Quizzes
    Jogos e testes
    Google maps
    Notas
    Slides

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.