quinta-feira, 22 de junho de 2023

Terra, volto a ti com o meu sorriso

Terra, volto a ti com o meu sorriso.

Ao monte, à sombra lígnea do poente,

Aos outeiros, à luz de quem preciso,

Aos pousios e ao cheiro redolente.

 

Às ruas do regresso, ao rosto ridente,

Ao brancor da andorinha, ao sol, ao riso,

Ao céu cerúleo, ao teu olhar prudente,

Ao belo arrebol e ao vento indeciso.  

 

Ó minha terra amada, ó açucena,

Que o amanhecer coras de rubro,

Rosa a arder em tua face plena,

 

Mãe, que oras com o chôro no escuro,   

Onde só Deus escuta a tua pena

E pequeno é o olhar e é outro mundo.

 

Sem comentários:

LITORAL

Por A. Galopim de Carvalho Uma definição de litoral deu-a Luis de Camões que, para além do grande poeta, foi homem de muitos saberes, com de...