terça-feira, 27 de abril de 2010

"Caos nas salas de aulas": Escola 2

Texto na continuação de outro antes aqui publicado.

No documentário da BBC, intitulado Classroom Chaos, a professora tece considerações sobre uma segunda escola da zona de Londres. Faz notar, como excepção, o funcionamento normal de uma turma:

Agora, vou a caminho de uma escola que tem tido problemas bastante graves. Contudo, tomou posse uma nova Direcção e consta que estão a tratar dos problemas. Esperemos que a experiência de hoje seja um pouco melhor que a dos outros dias. A segunda escola que filmei é de dimensão média e conta com cerca de 600 alunos. Hoje tive uma experiência bastante engraçada. Estive numa escola de Londres com problemas sociais graves.
(...) A escola é frequentada por muitos filhos de imigrantes e de requerentes de asilo, assim como por muitos alunos repetentes.

Nesta aula de Geografia para miúdos de 12 anos, ao fim de quinze minutos, pensei: “o que se passa aqui?”. Pensei: “Meu Deus, isto está tão calmo!”. Manteve-se assim, e os miúdos portaram-se lindamente. Contudo, foi a experiência mais estranha que já vivi. Há muito tempo que não via algo assim.

Professora: “Sabia que conseguem assimilar isto três vezes mais rápido do que a outra turma?”

Contudo, a minha satisfação não durou muito mais, já que as duas, três aulas seguintes eram com outros alunos, jovens com 14 anos. É o velho problema da idade. Convencê-los a despir os casacos, a guardar as mochilas por baixo da mesa, e apresentar os trabalhos e a prestar-me atenção foi de todo impossível. Eu era uma mulher invisível. Segundo a avaliação desta escola, sabe-se que os alunos portam-se mal com os professores substitutos.

Escola 2: A nível disciplinar, a avaliação é boa. Alguns alunos têm problemas com os professores substitutos (Fevereiro de 2003).

(CONTINUA)

2 comentários:

  1. Onde se encontra este documentário? Já o procurei e não encontro e seria muito interessante de ver/ler.

    ResponderEliminar
  2. Mas o que nos importa o que se passa nas escolas inglesas? Olhem para as escolas de Portugal e vão ter uma desagradável surpresa. O clima de impunidade que nelas existe faz com que o ambiente de confrontação e desrespeito seja constante. Mas, isto não se pode dizer porque dá má imagem de escola. PAIS, POR FAVOR, DÊEM EDUCAÇÃO AOS VOSSOS FILHOS. É QUE JÁ NÃO SE AGUENTA TANTA INSUBORDINAÇÃO. A SOCIEDADE QUE ABRA OS OLHOS E DEPRESSA E DEITE FORA "A MÁ MOEDA". Uma colega minha professora farta de fazer tantas substituições, hoje de manhã vinha com uma cara que só vista. Posso-vos garantir que esta professora gosta do que faz, mas se é professora de Matemática, não vai dar aula de Educação Física. O que pode ela fazer, tomar conta dos meninos e extremamente MAL EDUCADOS que eles são. Enfim, como já ouvi alguém dizer: AINDA TÊM A DISTINTA LATA DE CHAMAR DEMOCRACIA A ISTO!

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.