terça-feira, 23 de outubro de 2018

Utilização da História e Filosofia da Ciência no Ensino de Física

.
Palestra ministrada por Andre Torres Assis na Universidade Franciscana de Santa Maria, RS, em 31/08/2018.

Slides dessa apresentação:

http://www.ifi.unicamp.br/~assis/historia-e-filosofia-da-ciencia-no-ensino-de-fisica-31-08-2018.pdf

Vídeo dessa apresentação:

https://vimeo.com/289479865

Resumo:

Mostramos com alguns exemplos a importância da história e da filosofia da ciência no ensino de física.  Inicialmente falamos do conhecimento de Copérnico da teoria heliocêntrica de Aristarco.  Citamos como Thomas Kuhn teve suas concepções abaladas por sua introdução à história da ciência.
A importância da história da física no ensino foi fundamental para Ernst Mach chegar nas suas críticas  da teoria de Newton, que influenciaram fortemente a Einstein, embora o próprio Mach tenha rejeitado as teorias da relatividade.

Discutimos os vários significados da velocidade que aparece na força de Lorentz, essa é a velocidade da carga em relação a que? Maxwell, Lorentz e Einstein deram significados bem diferentes a essa velocidade.  Qual se deve usar? Mostramos ainda que Ampère nunca escreveu a assim chamada lei circuital de Ampère,  nunca trabalhou com o conceito de campo magnético e que ele era contrário
a qualquer coisa circulando ao redor de um longo fio reto conduzindo uma corrente.  Maxwell conhecia a lei de Grassmann-Biot-Savart que aparece nos livros didáticos,  mas preferia a força entre elementos de corrente de Ampère, que não aparece na maioria dos livros atuais.

Discutimos como a história e a filosofia da ciência auxiliam na formação crítica dos estudantes de física.

Sem comentários:

Enviar um comentário

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.