quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

NÃO À PRIVATIZAÇÃO DA TAP

Já assinei o documento contra a privatização da TAP, promovido por António Pedro Vasconcelos e outros. Também eu me insurjo contra a entrega a privados do que devia ser considerado património nacional ou meio indispensável à afirmação desse património. É o mesmo governo que, na ciência, quer dar boa parte dos recursos públicos a entidades privadas, que se prepara para entregar a TAP a particulares. O actual governo não tem uma réstia de patriotismo, que é algo que não é de direita nem de esquerda, mas sim a afirmação da nossa identidade.

5 comentários:

  1. Concordo que patriotismo não é de esquerda nem de direita.
    Mas o estado intervir na economia distorcendo-a, favorecendo uns em detrimento de outros, tomando posições discricionárias em assuntos alheios, é de esquerda. Chama-se a isso Socialismo ou melhor Neo-Comunismo.

    cumps

    Rui Silva

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como os sucessivos QE nos Estados Unidos?...

      Eliminar
  2. Tenho viajado sempre na tap, nunca tive qualquer má experiência até hoje, felizmente.
    A tap costuma ter uma preocupação pelos clientes e em regra compensa-os quando algo de anormal ocorre, têm aviões sobressalentes, vôos que se podem compensar, etc..
    Não digo que não haja falhas, pois também acontecem nas melhores companhias, mas a tap cumpre os melhores critérios de qualidade, não é cara, se comprarmos um voo com tempo pelo menos dentro da europa fica em conta e por último e não menos importante, é Portuguesa!

    Quando a tap for privatizada vai ser outra porcaria igual às easyjet, raynar e demais low costs, que não têm atendimento ao cliente, que ignoram completamente os direitos dos passageiros, que não se responsabilizam por nada!

    Dizem muito mal da tap, mas o que é certo é que ela é boa e por o ser a querem privatizar, pois as melhores empresas têm-no sido ou já viram privatizar empresas públicas que não tenham valor tipo carris ou metros? Os privados não são tolos e vão à procura do melhor, pena que do lado do estado só tenhamos gente pouco séria..

    ResponderEliminar
  3. E continuará a ter uma consideração especial pelos clientes neste fim de ano.
    É tão boa tão boa que na última tentativa nem teve pretendentes...

    ResponderEliminar
  4. Durante décadas a TAP foi deficitária mas, agora que os custos operacionais são positivos e o petróleo bate records de custos mínimos, expurga-se a empresa do passivo e vende-se com o carimbo "filet mignon"...sabe a pato, mas os tansos querem que sejam os outros!...

    Dervich

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.