segunda-feira, 25 de abril de 2022

Salgueiro Maia


Lutar, buscar, achar
E não aproveitar,
Esse foi o destino
Deste breve peregrino.
Corajoso e puro,
Soube tornar-se obscuro,
Recusando as luzes
E suportando as cruzes.
Ousado e discreto,
Das glórias desafecto,
Retirou-se da vida,
Com a vida cumprida.
Esconder a virtude,
Que honrosa plenitude!

Eugénio Lisboa

1 comentário:

  1. O herói Salgueiro Maia personifica, simultaneamente, o Povo Português que, nos idos de 74 do século XX, vendo-se sem dinheiro para investir no desenvolvimento económico, e em armamento moderno, com que se pudesse defender dos mísseis terra-ar das grandes potências, desistiu da sua missão civilizadora no ultramar e entregou de mão beijada ao capital estrangeiro os diamantes e demais riquezas que justificavam a sua existência no mapa político do mundo.
    Atualmente, o que nos vale é o último grito na educação: as APRENDIZAGENS POR DOMÍNIOS, SUBDOMÍNIOS E RUBRICAS, que hão-de, finalmente, resgatar o Povo Português dos currículos fascistas dos liceus e escolas industriais que em muito contribuíram para o estado de pobreza relativa a que chegamos hoje.
    Com estes novos paradigmas pedagógicos, lá virá o dia em que seremos todos ricos e felizes, reduzindo a pó a mítica dicotomia entre o dinheiro e a felicidade!

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.