quinta-feira, 6 de outubro de 2016

Imagens de vítimas de explosões nos cigarros electrónicos?

Foi hoje publicada uma carta ao editor do New England Journal of Medicine, assinada por um grupo de médicos da Universidade de Washington, que descreve as lesões de 15 pacientes causadas pela explosão de cigarros electrónicos. Em Junho, já tenha sido descrito outro caso. As explosões são causadas pelo sobreaquecimento da bateria e as consequências são potencialmente graves. Os autores argumentam que o risco não é tão raro como se pensava. E não é o único, outros riscos relevantes estão associados aos cigarros electrónicos, como discuti num artigo recente no Público

Como a Lei do Tabaco (e afins) está prestes a ser revista, será de aproveitar para obrigar a incluir imagens de vítimas de explosões de cigarros electrónicos nas respectivas embalagens?



8 comentários:

  1. Quando há explosões em carros ou aviões é bem pior. Acho que nos aviões devia haver fotos mostrando o resultado de quando explodem com centenas de passageiros.

    ResponderEliminar
  2. Se eu tirei algo disso, é pra fumar cigarros de verdade.

    ResponderEliminar
  3. 15 não é um número tão grande. Futebol causou muito mais mal ao mundo.

    ResponderEliminar
  4. O seu artigo do Público não teve em conta este estudo onde o efeito nocivo da exposição ao fumo do cigarro eletrónico é considerado extremamente baixo.
    Electronic cigarettes_A report commissioned by Public Health England 2014
    https://www.gov.uk/government/uploads/system/uploads/attachment_data/file/311887/Ecigarettes_report.pdf

    Quem acompanha fóruns de cigarros eletrónicos, em especial os mecânicos, apercebe-se que, como em muitas áreas, há pessoas que não têm a noção do risco do binómio calor e baterias de lítio (resistência vs amperagem). Mas quantas pessoas não têm autorização para conduzir!
    Ao contrario de proibir, um substituto menos nocivo que o tabaco, devia-se educar. Mas tudo é uma questão de tostão, ou duvida?

    ResponderEliminar
  5. ah pois é ! e de caminho vejam também os telemóveis , porque apesar dos mitos das ondas e cancros no cérebro , afinal também matam quando explodem . e explodem mesmo . vamos proibir os telemóveis ? não , pois , não ?

    http://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/telemovel-faz-explosao?

    há mais...é só pesquisar no google. na China , então , explodem que é uma maravilha .)


    ResponderEliminar
  6. Concordo que façam mal ou pior do que os outros cigarros. Já fumei durante muitos anos e passei pela experiência de ambos.
    Contudo, o argumento da explosão é ridículo, assim como as imagens que acompanham o argumento.
    A mim, por exemplo notava que me fazia pior aos pulmões, pois tenho enfisema e asma.
    Deixar completamente de fumar, foi a minha decisão, já lá vão quase 3 anos.

    ResponderEliminar
  7. O seu caso é tão excepcional como as explosões.
    "The review concluded that of all 24 studies included, not a single one reported serious health risks to vapers from up to two years of e-cigarette use. Like the first review in 2014, this update is guarded, but also gives an approving nod to 15 currently ongoing randomized controlled trials that are underway."
    http://www.huffingtonpost.com/dr-amy-fairchild/ecigarettes-and-the-value_b_12198378.html

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.