terça-feira, 25 de setembro de 2018

UM AUTARCA MENTIROSO


Manuel Machado, actual Presidente da Câmara Municipal de Coimbra, mentiu de uma maneira descarada e premeditada quando prometeu na campanha eleitoral transformar o aeródromo municipal de Coimbra em aeroporto internacional. A mentira transformou-se, em Coimbra como noutros sítios do país, na maneira normal de fazer política. Ficamos à espera que ele tenha um mínimo de honra e de sentido democrático se demita, por ter defraudado quem acreditou nele nas eleições. Por menos Egas Moniz (o aio) apresentou-se, com a família, de baraço ao pescoço, ao não conseguir manter a palavra dada. Conforme disse M. Ghandi: "A dignidade pessoal e a honra não podem ser protegidas por outros, devem ser zeladas pelo indivíduo em particular."

PS) Ontem, o referido edil, num acto antidemocrático que revela bem a sua falta de preparação para o cargo, retirou a palavra a um vereador, que expunha um ponto de vista que não era do seu agrado, suspendendo a seguir de modo inopinado a reunião. A democracia em Portugal ainda tem um longo caminho a percorrer, principalmente nalgumas autarquias. Coimbra, nesta capítulo, não é uma lição.

1 comentário:

  1. Aquando da eleição deste Sr., comentei no FB que agora só "falta cumprir a promessa" do aeroporto, que logo na altura me pareceu megalómana.
    O que me admira é a existência de eleitores que -em pleno século XXI - acreditam neste género de promessas.

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.