segunda-feira, 7 de maio de 2018

"A força das coisas": Luís Caetano fala na Antena dois com João Paulo André, autor de "Poções e Paixões.Química e Ópera"

https://www.rtp.pt/play/p321/e344733/a-forca-das-coisas

2 comentários:

  1. Brilhante! Comprarei, com toda a certeza.

    Berlioz na sua "Sinfonia Fantástica", subintitulada "Episódio na Vida de Um Artista", autobiográfica, no quarto mandamento "Marcha Para o Suplício/Cadafalso", sabendo que o seu amor nunca seria retribuído, resolve tomar ópio (o artista) e sonha que assassina a sua amada e que está a ser levado para a guilhotina. Harriet aceitou casar com ele depois de assistir a este espetáculo, mas divorciaram-se e ele casou com outra, Marie Recio, cantora.

    Escreveu: "O amor não nos dá uma ideia da música; mas a música pode dar-nos uma ideia do amor. Porquê separá-los? São as duas asas da alma." Mémoires, 1870

    Seria interessante esticar estas asas para os contos de fadas.

    ResponderEliminar
  2. Correção: em vez de "mandamento", andamento...

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.