quinta-feira, 30 de junho de 2016

Quanta ciência existe na Biblioteca Pública Municipal do Porto?

Post recebido de Adriano Simões da Silva,  bibliotecário na Biblioteca Pública Municipal do Porto

Foi criada, em sessão de 4 de Dezembro de 2015, a Direção Municipal da Cultura e Ciência, cuja primeira diretora é a Drª Mónica Guerreiro. Surge a pergunta, quanta Ciência existe na Biblioteca Publica Municipal do Porto (BPMP)? Ou seja: quantos títulos de periódicos (revistas e jornais) de Ciência existem na BPMP?

A Ciência é tradicionalmente dividida em 2 grandes grupos: as Ciências Exatas e as Ciências Aplicadas:

As Ciências Exatas estão divididas em 8 assuntos na BPMP:

Ambiente -- Periódicos (SIPOR)
178
Biologia -- Periódicos (SIPOR)
81
Ciência -- [Periódicos] (SIPOR)
89
Engenharia - Periódicos (SIPOR)
155
Física -- [Periódicos] (SIPOR)
18
Geologia -- Periódicos (SIPOR)
50
Matemática -- Periódicos (SIPOR)
34
Meteorologia -- Periódicos (SIPOR)
56

Total: 661 títulos de revistas de Ciências Exatas.

As Ciências Aplicadas podem ser divididas em 3 grandes grupos: Ciências Médicas, Ciências Agrárias e Indústrias.

As Ciências Médicas, por serem pouco pedidas pelos leitores, são apenas divididas em 3 assuntos:

Deficientes – Periódicos (SIPOR)                          73
Psiquiatria – Periódicos (SIPOR)                         41
Saúde – Periódicos (SIPOR)                             1171

Total:  1.285 títulos de revistas de Ciências médicas.

As Ciências Agrárias estão divididas em 6 assuntos na BPMP:

Agricultura -- Periódicos (SIPOR/BN)
546
Cooperativas agrícolas -- Periódicos (SIPOR)
62
Pecuária -- Periódicos (SIPOR)
99
Silvicultura -- Periódicos (SIPOR)
41
Vinho do Porto -- Periódicos (SIPOR)
36
Vitivinicultura -- Periódicos (SIPOR)
118

Total: 902 títulos de revistas de Ciências Agrárias.

As Indústrias, por serem muito pedidas pelos leitores, estão divididas em 18 assuntos na BPMP:

Artes Gráficas -- Periódicos (SIPOR)
53
Bebidas -- Periódicos (SIPOR)
35
Construção civil -- Periódicos (SIPOR)
146
Energia -- Periódicos (SIPOR)
134
Indústria -- Periódicos (SIPOR)
373
Indústria alimentar -- Periódicos (SIPOR)
122
Indústria automóvel -- Periódicos (SIPOR)
277
Indústria cerâmica -- Periódicos (SIPOR)
51
Indústria da cortiça -- Periódicos (SIPOR)
13
Indústria da madeira -- Periódicos (SIPOR)
52
Indústria de combustíveis -- Periódicos (BN-P)
71
Indústria de conservas -- Periódicos (SIPOR)
15
Indústria de lacticínios -- Periódicos (SIPOR)
32
Indústria de panificação -- Periódicos (SIPOR)
35
Indústria do calçado -- Periódicos (SIPOR)
28
Indústria do papel -- Periódicos (BN)
62
Indústria electrotécnica -- Periódicos (SIPOR)
29
Indústria extrativa - Periódicos (BN-P)
59
Indústria farmacêutica -- Periódicos (SIPOR)
33
Indústria metalúrgica -- Periódicos (BN-P)
117
Indústria química -- Periódicos (SIPOR)
68
Indústria têxtil -- Periódicos (SIPOR)
156
Indústria vidreira -- Periódicos (SIPOR)
24
Informática -- Periódicos (SIPOR)
181
Óptica -- Periódicos (SIPOR)
17
Ourivesaria -- Periódicos (CLIPBA)
29
Pesca -- Periódicos (SIPOR)
85

Total: 2302 títulos de revistas de Indústria, incluindo relatórios e contas.

Temos assim a Ciência dividida no catalogo online da BPMP em 4 grandes grupos, num total de 35 assuntos e 5150 títulos de revistas!

Ora são 5150 títulos quando apenas estão “assuntados” ou indexados um total de 32.884 revistas e jornais!

Conclui-se assim que as Ciências representam 16% dos títulos na BPMP!

Tanta Ciência tem reflexos nos Autores na BPMP, onde existem mais de 100 registos de 8 cientistas: Aureliano da Fonseca (médico), Eurico da Fonseca (astronáutica), Clara Pinto Correia (bióloga), Daniel Sampaio (psiquiatra), Carlos Fiolhais (físico), Abílio Fernandes (biólogo), Mário F. Bento Ripado (engenheiro agrónomo) e Barahona Fernandes (psiquiatra).


1 comentário:

  1. O número de periódicos é impressionante, mas há aqui uma coisa que não bate certo. Uma pesquisa rápida no catálogo online mostra que há entre uma e duas dezenas de periódicos que podem claramente ser classificados como sendo de "Química" (tanto pelo assunto como pelo editor). A classificação "química" já não faz parte dos catálogos ou estará empastelada com outras áreas?

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.