terça-feira, 24 de novembro de 2015

"Eu conheço-o por Mike Wallace e você conhece-me por Morgan Freeman"

A "Educação para a cidadania" - difundida à escala europeia e americana e, em Portugal, reconhecida pela Direcção-Geral da Educação - está, de momento, focada na "formação da consciência" financeira e empreendedora dos alunos, continuando a apostar-se no medo "quanto baste" em questões de saúde e sexualidade. Em todas essas áreas a "sensibilização para a diferença", na sua pior versão, persiste. Por isso vale a pena ver este pequeno diálogo entre Mike Wallace e Morgan Freeman.


Mike Wallace - Mês da consciência negra, o que acha disso?
Morgan Freeman - Ridículo!
Mike Wallace - Porquê
Morgan Freeman - Confina toda a minha história a um único mês?
Mike Wallace - Bem...
Morgan Freeman - O que faria com a sua história? Qual é o mês da consciência branca?
Mike Wallace - Bem... eu sou judeu.
Morgan Freeman - Sim, mas qual é o mês da consciência judaica?
Mike Wallace - Não existe.
Morgan Freeman - Por que não? E você quer que exista?
Mike Wallace - Não, não...
Morgan Freeman - Não? Tudo bem. Eu também não quero. Eu não quero um mês da consciência negra. A história dos negros é a história da América.
Mike Wallace - E como nos vamos livrar do racismo?
Morgan Freeman - Parando de falar sobre isso! Eu paro de chamar-lhe homem branco e peço-lhe que pare de me chamar homem negro. Eu conheço-o por Mike Wallace e você conhece-me por Morgan Freeman.

Sem comentários:

Enviar um comentário

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.