domingo, 25 de outubro de 2015

UM NOVO LIVRO DE ENSAIOS DE JOÃO LOBO ANTUNES


Informação editorial recebida da Gradiva:

Ouvir com Outros Olhos

Uma nova colectânea de ensaios sobre temas variados, em que se destacam as suas áreas de eleição: a medicina, a literatura, o humanismo, a lição de um Mestre singular. Profundo e claro, lê-se com ávido e enriquecedor interesse.

Ouvir com Outros Olhos é um livro que reúne a textos de João Lobo Antunes variados no estilo e na substância. Estão agrupados em oito pares: Sobre a Humanidade, Ética e Sociedade, Sobre a Profissão, Sobre a Arte Médica, Dois Livros, Dois Amigos, Sobre a Universidade, Portugal. Ainda que a diversidade temática esteja patente nesta obra, o próprio autor aponta o vislumbre de uma «compulsão biográfica» que espreita parte do que escreve. A medicina e a literatura, duas áreas de grande relevância para o autor, naturalmente têm aqui o seu lugar como peças de reflexão e interesse. Com um estilo em que a profundidade da abordagem se alia à aparente simplicidade da escrita, este é um livro que atrai para a leitura com elevado interesse.

No ensaio de abertura, «Ouvir com Outros Olhos», que dá o nome ao livro, pode ler-se: «O tempo foi esculpindo em mim um outro médico, vincando alguns traços, alisando outros. Aprendi que as patologias do cérebro de que me ocupo têm o seu tempo próprio e que a cura é um processo por vezes muito longo, e isso exigiu a aprendizagem de um atributo mais próprio da contemplação do que da acção — a paciência. Mas o que a idade nos ensina também é que a natureza tem as suas razões e o seu pudor, e aprecia muito que a respeitem.» João Lobo Antunes, que acabou de ser distinguido com o Prémio Nacional de Saúde 2015, foca nesta obra alguns aspectos da sua vida como neurocirurgião, reflectindo em simultâneo sobre a narrativa na medicina, uma matéria pela qual o autor tem especial interesse.

Entre as temáticas abordadas por João Lobo Antunes está a da justiça em Portugal: «A justiça é não só o pilar fundamental de qualquer democracia, mas é também a força que dá suficiente robustez moral a um povo, e lhe permite enfrentar com mais convicção e energia as crises com que a modernidade irá, repetidamente, desafiá-lo agora, amanhã, e daqui a 25 anos.»

Ouvir com Outros Olhos é um livro que apela aos sentidos, que se lê, mas também se escuta e nos toca, cujas páginas são atravessadas por um registo muito próprio de um autor que é uma das figuras maiores da inteligência e da cidadania portuguesas.
Antes de Ouvir com Outros Olhos, a Gradiva já publicou os seguintes livros de João Lobo Antunes:

Um Modo de Ser,
Numa Cidade Feliz,
Memória de Nova Iorque e Outros Ensaios,
Sobre a Mão e Outros Ensaios,
O Eco Silencioso,
Inquietação Interminável,
Egas Moniz - Uma biografia.

SOBRE O AUTOR

João Lobo Antunes é Professor Emérito da Universidade de Lisboa. Até à sua jubilação, em 2014, foi Professor Catedrático de Neurocirurgia da Faculdade de Medicina de Lisboa e fundador e presidente do Instituto de Medicina Molecular.
Publicou seis livros de ensaios: Um Modo de Ser (1996), Numa Cidade Feliz (1999), Memória de Nova Iorque e Outros Ensaios (2002), Sobre a Mão e Outros Ensaios (2005), O Eco Silencioso (2008), Inquietação Interminável (2010). É autor de uma biografia de Egas Moniz (2010) e, na colecção «Ensaios» da Fundação Francisco Manuel dos Santos, de A Nova Medicina (2012).
Entre as várias distinções que recebeu conta-se o Prémio Pessoa (1996), o Prémio da Universidade de Lisboa (2013) e o Prémio Nacional de Saúde (2015). Foi ainda agraciado com a Grã-Cruz da Ordem do Infante D. Henrique (2004) e Grã-Cruz da Ordem Militar de Sant’Iago da Espada (2014), que distingue o mérito literário, científico e artístico.
Ouvir com Outros Olhos
João Lobo Antunes
Colecção: «Fora de Colecção»
200 pp.
Ano de edição: 2015
ISBN: 978-989-616-673-1
€ 14,00

Sem comentários:

Enviar um comentário

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.