sábado, 12 de setembro de 2015

ANO DA LUZ NA UNIVERSIDADE NOVA


A Biblioteca da FCT UNL, Campus de Caparica, reinicia a série de Seminários celebrando o Ano Internacional da Luz.

Inês Cidra

Licenciada em Design de produção de ambientes pelo IADE, encontra-se de momento a finalizar o Mestrado na área da iluminação. Desde 2005 que faz parte da equipa de profissionais da Philips Lighting que gerem projetos/obra/venda de uma vasta carteira de clientes, gabinetes de arquitetura, engenharia, instaladores, distribuidores de material elétrico e clientes finais. Em 2005 foi responsável pela implementação da Philips Lighting Academy em Portugal, que tem vindo a in(formar) todo o mercado da iluminação, desde o distribuidor, passando pelo instalador até ao projetista.

Sumário - Perspective o futuro da iluminação com connected lighting

Imagine a sua cidade como um local onde as pessoas se podem movimentar livremente e em segurança quando e onde quiserem. Uma cidade onde todas as zonas escuras e sombrias podem ser iluminadas sempre que necessário. Onde o centro da cidade, os parques, os passeios e os principais eixos de circulação de tráfego urbano podem ser iluminados de forma flexível; ajustados às necessidades das pessoas e do fluxo de tráfego; preparados para mudarem com o tempo, para melhorar a habitabilidade.
Imagine uma tecnologia que pode ajudar a alterar e a diminuir a iluminação da rua em áreas seleccionadas da sua cidade. Por exemplo, numa área residencial em que a densidade de tráfego à noite é baixa. Ou aumentar o nível de iluminação no interior da cidade, quando os bares e os clubes nocturnos fecham. Ou para apoiar uma equipa de emergência, durante um acidente. Imagine ser capaz de proporcionar iluminação exactamente onde e quando é necessária – tudo com um simples clique de rato.

Imagine uma solução de iluminação que vai reduzir significativamente o consumo de energia e a complexidade operacional, ao reduzir os custos ao mesmo tempo que optimiza os processos de manutenção, beneficiando o ambiente e o seu orçamento municipal. Essa solução será extremamente apreciada pelo presidente da câmara e pelos políticos locais, que serão considerados prudentes do ponto de vista económico. Imagine um sistema de gestão em que o planeamento, o controlo e a gestão de todos os dados de iluminação seriam mais simples do que nunca, permitindo a transferência automática de dados dos seus elementos de iluminação pública, bem como uma gestão, comunicação e tomada de decisões fundamentadas para investimentos futuros em substituições ou trabalhos de manutenção.

Sem comentários:

Enviar um comentário

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.