quinta-feira, 20 de novembro de 2014

O HISTORIADOR LUÍS REIS TORGAL ATACA O "REINO DA ESTUPIDEZ"

"Vem isto a propósito da Estupidez que parece hoje regressar, numa altura em que se encara a Cultura, a Ciência e o Ensino em nome da sua rentabilidade, sob o signo de outras deusas, a Economia e as Finanças. Já nem falamos de graves erros que se cometem com uma avaliação formatada e “eliminatória” de centros e de cientistas candidatos a bolsas e a lugares de pesquisa. Basta por agora falar de situações simples, mas que revelam o sentido que se quer dar a este país, enquadrado num sistema que se tem vindo a instalar em todo o mundo."

Luís Reis Torgal (Professor Catedrático de História, jubilado,  da Universidade de Coimbra)
Ler mais aqui.

1 comentário:

  1. Pelo que percebi do artigo de opinião, o Prof. Luís Reis Torgal pensa que a Cultura, Ciência e o Ensino não obedecem á ordem natural das coisas. Ou seja a Economia e Finanças são disciplinas que são umas “mazonas”. Só existem porque “eles” – os maus da fita – querem fazer as pessoas sofrer, e vai daí inventaram-nas para prosseguirem com o seu obscuro e sádico interesse de fazerem mal ás pessoas.
    Se esses indivíduos ( que inventaram a Economia e Finança) não existissem e por conseguinte não influenciassem os nossos governantes é que era bom. Não tínhamos estes constrangimentos e assim seriamos muito mais felizes.



    Cumps

    Rui Silva

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.