segunda-feira, 13 de outubro de 2014

DN: Avaliação dos centros de investigação dá polémica internacional

Uma notícia publicada no DN dá hoje conta da polémica internacional acerca da avaliação das unidades de investigação, que temos vindo aqui a dar conta.

A astrofísica espanhola Amaya Moro-Martin, que é investigadora no Space Telescope Science Institute e na John Hopkins University, nos Estados Unidos, publicou a 9 de outubro, na revista Nature um artigo de opinião sobre o futuro preocupante da ciência na Europa. Ali afirmou que no caso de Portugal, "poderão ser fechadas metade das suas unidades de investigação devido a erros no processo de avaliação por parte da Eurpean Science Foundation". Em resposta, o presidente da ESF, Jean-Claude Worms, enviou-lhe uma carta, intimando-a a retirar a a frase, sob pena de uma ação legal.
E cita o De Rerum Natura:
O blogue português de ciência De Rerum Natura, do qual o físico Carlos Fiolhais é um dos fundadores, também dá eco do caso e refuta a atitude da ESF.

Sem comentários:

Enviar um comentário

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.