quarta-feira, 20 de novembro de 2013

TESOURO E TESOURA

Estamos em plena Semana da Cultura Científica, ocasião excelente para mostrar os tesouros da ciência. Por todo o lado se multiplicam iniciativas, que culminarão no dia Nacional da Cultura Científica, dia 24 de Novembro, domingo próximo, o aniversário de Rómulo de Carvalho.

Abro a página da FCT, Fundação para a Ciência e Tecnologia, a agência nacional de apoio à ciência e tecnologia, que para o ano verá o seu orçamento mais tesourado, para ver o que organizaram e nada encontro sobre esta semana. Por alguma razão que eu não descortino, a cultura científica passa-lhe ao lado.

Mas parece que não é só a FCT que passa ao lado da cultura científica. Abro a página do MEC, Ministério da Educação e Ciência, e também nada encontro sobre a semana. Também, inexplicavelmente, a Semana da Cultura Científica passa ao lado do Ministério.

É, em Portugal, a Semana da Cultura Científica. Mas a Cultura Científica não está onde mais devia estar. Já não me admira que a Cultura Científica não esteja nas Finanças, mas admira-me que não estejas na casa que devia ser a maior da educação e ciência.

Talvez não por acaso foi nesta semana que os Reitores se cansaram finalmente dos cortes a que as universidades, onde está a esmagadora maioria dos cientistas nacionais, têm sido sujeitas. Sem cultura científica forte e entranhada, receio que esses cortes venham a prosseguir, pela mão de tesoureiros que tesouram sem saber o que é um tesouro. Não se tesouram os tesouros!

Sem comentários:

Enviar um comentário

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.