segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Novo Café, Livros e Ciência


Informação recebida do Centro Ciência Viva Rómulo de Carvalho em Coimbra:

Carlos Fiolhais e Décio Martins apresentam «Aos ombros de gigantes – As grandes obras da Física e Astronomia»

Em mais uma iniciativa «Café, Livros e Ciência», resultante da parceria entre a Fábrica Centro Ciência Viva de Aveiro, o Centro Ciência Viva Rómulo de Carvalho e o Museu da Ciência da Universidade de Coimbra, Carlos Fiolhais e Décio Martins apresentam o livro «Aos ombros de gigantes – As grandes obras da Física e Astronomia», coligido e comentado por Stephen Hawking, recentemente publicado pela Texto Editores. A sessão está marcada para quinta-feira ao fim da tarde, no Centro Ciência Viva Rómulo de Carvalho, em Coimbra. A entrada é livre.

AOS OMBROS de GIGANTES – AS GRANDES OBRAS DA FÍSICA E ASTRONOMIA
Coligido e comentado por Stephen Hawking, Texto Editores, 2010.

5ª Feira l 3 Fevereiro 2011 l 18h00

As Revoluções dos Orbes Celestes de Nicolau Copérnico, Diálogo sobre Duas Novas Ciências de Galileu Galilei, Harmonias do Mundo (livro V) de Johannes Kepler, Princípios Matemáticos da Filosofia Natural de Isaac Newton e selecções de O Princípio da Relatividade de Albert Einstein, compilados e comentados por Stephen Hawking, num grande livro, são o mote para conversa com Carlos Fiolhais e Décio Martins, no Centro Ciência Viva Rómulo de Carvalho, no piso térreo do Departamento de Física - pólo I da Universidade de Coimbra.

Café, Livros e Ciência convida a conhecer, comentar ou debater um livro de, ou sobre, ciência, num ambiente informal.

local Centro Ciência Viva Rómulo de Carvalho, Departamento de Física, Pólo I da UC GPS: 40.207799146364515, -8.424459099769592
horário 18h00>19h00
contactos 239 410 699 ou rc@teor.fis.uc.pt
entrada livre

3 comentários:

  1. Tenho a obra; fundamental por conter trabalhos seminais na área da Física/Astronomia.

    Agora dizer-se que as grandes obras incluídas no livro são coligidas e comentadas por Stephen Hawking, é puro exagero publicitário. S. H. apenas escreve umas biografiazinhas de 6 ou 7 páginas de cada um dos autores dos textos (Copérnico, Galileu, Kepler, Newton e Einstein). Não há comentários substanciais às obras e que certamente foram coligidas inteligentemente pelo editor original e não por S. H..

    O excelente livro merecia uma divulgação mais honesta.

    Cruz Gaspar

    ResponderEliminar
  2. Adenda

    Já agora, dos "Princípios Matemáticos da Filosofia Natural" do Newton, contido no livro "de" S. H., existe uma tradução do Padre Resina, recentemente falecido, e também recentemente editado pela Gulbenkian. Essa sim, tem cerca de 70 úteis páginas de "Notas de Comentário do Tradutor" para além de inúmeras notas de rodapé ao longo do texto original.

    Parabéns ao Padre Resina pela tradução e à Gulbenkian por ter dado à estampa de forma discreta esta obra.



    Compreendo que os objectivos de uma editora comercial não têm nada em comum com os da Gulbenkian (o que não tem qualquer mal, obviamente), mas há que haver respeito pelos potenciais leitores/compradores e honestidade (talvez a palavra seja forte de mais) na divulgação das edições.

    Quanto a Stephen Hawking, considero-o um marco na história da Física.


    Cruz Gaspar

    ResponderEliminar
  3. Conhecem isto?
    1.1 A Igreja Católica: Construtora da Civilização - Introdução

    http://www.youtube.com/watch?v=t6bnO7N1AMU

    ResponderEliminar

1) Identifique-se com o seu verdadeiro nome.
2) Seja respeitoso e cordial, ainda que crítico. Argumente e pense com profundidade e seriedade e não como quem "manda bocas".
3) São bem-vindas objecções, correcções factuais, contra-exemplos e discordâncias.